Freio ABS: o que é, como funciona e principais vantagens

O freio ABS é uma das tecnologias automotivas que trouxe mais ganhos para os automóveis no quesito segurança. Obrigatória em veículos produzidos no Brasil desde 2014, ela ajuda a prevenir acidentes, proporcionando maior controle das situações ao motorista. 

Quer entender melhor como o freio ABS em carros? No texto a seguir vamos apresentar tudo o que você precisa saber sobre o assunto. 

O que é Freio ABS?

Os freios ABS (Anti-lock Braking System), também conhecido como freios antitravamento, tem como principal objetivo evitar o travamento das rodas em frenagens bruscas. Ou seja, ele é acionado em situações de emergência para ajudar a prevenir acidentes. 

De acordo com especialistas, a tecnologia é capaz de reduzir a distância de parada em cerca de 30%. Isso dá ao motorista um maior tempo de reação para desviar dos obstáculos durante a frenagem emergencial. 

A sigla ABS pode ser localizada no painel do veículo. Esta irá acender e apagar em seguida a cada vez que o veículo for iniciado. Mas, se você perceber que a luz continua acesa, pode ser um indício de que algo está errado. Neste caso, verifique com pessoas capacitadas. 

Como funciona o freio ABS? 

A tecnologia faz uso de sensores, localizados nas rodas, que ficam responsáveis por monitorar a trajetória e velocidade dos pneus. Quando identificado alguma frenagem pode causar o travamento das rodas, o freio ABS irá realizar as devidas correções para impedir que isso aconteça. 

Esse tipo de freio não vai  frear a roda, mas vai aliviar e regular a intensidade da frenagem.

Portanto, pode-se dizer que a tecnologia irá atuar em situações emergenciais, proporcionando mais estabilidade para o veículo. Desníveis em pista molhada, frenagens em curvas são algumas das condições adversas em que o sistema pode funcionar. 

Sabe aquelas situações em que é necessário pisar fundo no freio? É neste momento que o freio ABS realizará a sua mágica. 

Explicando de maneira técnica, o freio ABS aplica pressão e solta de forma contínua por alguns segundos, pinçando o disco ou tambor, dependendo do veículo. Essa ação é realizada de forma muito rápida, impedindo que as rodas escorreguem e aumentando o tempo de frenagem. 

Leia também: Freios de carro: tipos, características e cuidados essenciais

Componentes do sistema ABS

O freio ABS dispões de quatro componentes principais, sendo eles: 

  • Sensores de velocidade (um em cada roda): responsáveis por interpretar as informações de rotação das rodas e enviar sinais para a central eletrônica em caso de desalinhamento com a velocidade do veículo; 
  • Bomba hidráulica: sua função é pressurizar o fluido de freio após o acionamento do sistema;
  • Controlador eletrônico: responsável pela monitoração dos sensores de velocidade;
  • Válvulas hidráulicas: controla a pressão dos fluidos em cada roda.

Passo a passo do acionamento do sistema:

  1. O motorista pisa fundo no freio;
  2. Os sensores detectam que a desaceleração nas rodas está incompatível com a velocidade do veículo;
  3. A válvula hidráulica é ativada no freio da roda, o que vai reduzir sua força de frenagem, fazendo com que ela gire mais rapidamente;
  4. A velocidade da roda é retomada e então a válvula introduz novamente a pressão para segurá-la, repetindo os dois ciclos do processo em um espaço de cerca de 15 segundos. 

Sistemas ABS x ESC

Ambos sistemas desempenham funções de segurança nos automóveis e ainda há muitas dúvidas quanto às características de cada um. Veja abaixo quais são os princípios básicos de cada tecnologia. 

  • ABS (Anti-lock Braking System): como já ressaltada, este sistema funciona através de sensores presentes nas rodas. A tecnologia tem objetivo de evitar o travamento repentino e derrapagem das rodas, proporcionando maior estabilidade para o veículo. 
  • ESC (Electronic Stability Control): também atua através de sensores, sendo estes responsáveis por manter a estabilidade e corrigir a trajetória do automóvel em situações de curvas, desvios e até frenagens bruscas. 

Vantagens proporcionadas pelo freio ABS

A grande vantagem é o aumento da segurança que o sistema proporciona em situações adversas. Mas, a tecnologia contribui ainda para uma série de benefícios que podem ser sentidos pelos motoristas. Entre eles destacam-se: 

  • Possibilita a introdução de outras tecnologias automotivas associadas, como por exemplo o controle de tração e de estabilidade;
  • Mantém o controle da direção durante manobras perigosas;
  • Menor tempo e distância de frenagem;
  • Eficiência em pistas adversas como de areia, asfalto molhado, entre outras.

Leia também: Significado das luzes do painel do seu carro: conheça os principais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.